Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Delicada como um elefante

03
Out18

TAG | 42 Perguntas Literárias

Bárbara

1. Gostas de ler?

Óbvio. Quem ia responder a esta tag se não gostasse de ler?

 

2. Qual foi o último livro que leste? Qual a tua opinião sobre ele?

"The Poppy War" de R. F. Kang e adorei. Podem ver a opinião aqui.

 

3. Com que frequência lês?

Depende da vida. Tento um bocado todos os dias.

 

4. Qual foi o último mau livro que leste?

Eu desisto quando não estou a gostar e nem isso significa que  livro seja mau.

 

5. O que te faz não gostar dum livro?

Ser muito descritivo fora da ação.

 

6. Gostarias de ser escritora?

Nem pensar. Não tenho qualquer jeito para línguas.

 

7. Um livro que influenciou a sua vida.

Acho que alguns livros filosóficos para jovens como "O Mundo de Sofia" de Jostein Gaarder e "Ética para um Jovem" de Fernando Savater.

 

8. Lês literatura erótica?

Nunca li.

 

9. Escreverias um romance erótico?

Mesmo que gostasse de escrever este não seria de todo o género que escreveria.

 

10. Qual é o teu livro e/ou série favorito?

Eu tenho 72 livros classificados com 5*. Claro que são de diferentes fases da vida, por isso tenho dificuldade em escolher.

Série foi definitivamente "Harry Potter". Stand alone gostei recentemente muito de "Ser Mortal" de Atul Gawande e "Para Educar Crianças Feministas" de Chimamanda Ngozi Adichie".

 

11. Escritor/a favorito/a.

J. K. Rowling.

 

12. Género literário favorito.

Talvez não ficção, mas também policiais, juvenis, fantasia...

 

13. Género literário que não lês.

Auto-ajuda. Não tenho qualquer paciência para psicologia barata.

 

14. Ficas sempre na tua zona de conforto na leitura?

Não. Eu não costumo gostar de clássicos, contos e poesia, mas forço-me a ler. Nunca se sabe quando nos podemos surpreender e a verdade é que já aconteceu. O que me lembro de repente foi "O Retrato de Dorian Gray" de Oscar Wilde.

 

15. Livros físicos ou e-books?

Gosto mais de livros físicos mas os e-books têm sido muito importantes para eu continuar a conseguir ler desde que fui mãe. Além disso temos sempre um livro connosco, basta ter um telemóvel. 

 

16. Onde aprendeste a ler e/ou quem te ensinou as primeiras letras?

Apendi na primeira classe com a Irmã Lurdes no Externato de S. João Bosco. 

 

17. Os teus hábitos de leitura mudaram depois de teres o blog/canal?

Nada. Eu só tenho um blog para poder interagir com as pessoas do booktube.

 

18. Livro favorito na infância?

Os da série "Triângulo Jota".

 

19. Personagem favorita.

Hermione do "Harry Potter". Não podia ser mais cliché.

 

20. Algum livro já te transportou para outro lugar?

Não mas tenho pena. A minha imaginação não é fértil o suficiente.

 

21. Livro que gostarias que tivesse uma sequência.

Nenhum. Odeio que encham chouriços para fazer render o peixe. Se gosto de um stand alone é porque ele é bom assim mesmo.

 

22. Livro que não necessitava de uma sequência.

"Louca" de Cloe Esposito. Apesar de divertido, aquilo é uma banhada. Além disso, o arco da história fica encerrado.

 

23. Qual o teu pior hábito de leitura.

Ler vários livros ao mesmo tempo. Mas é assim que eu gosto.

 

24. Quanto tempo levas a ler um livro?

Depende de quantos estou a ler ao mesmo tempo, do tamanho do livro, de quanto estou a gostar e da disponibilidade de tempo que tenho.

 

25. Gostas quando um livro é adaptado ao cinema/televisão?

Depende de como corre a adaptação.

 

26. Livro arruinado pela adaptação ao cinema.

Não sei porque normalmente ou leio o livro ou vejo o filme.

 

27. Lês jornais ou revistas? Qual preferes?

Não.

 

28. Lês na cama, casa de banho, automóvel, autocarro, praia, jardins públicos ou cafés?

Leio na cama. Não leio em movimento porque enjoo. No exterior leio mas não se estiver muito barulho.

 

29. Local favorito para ler.

Sofá.

 

30. É difícil concentrares-te na leitura?

Não.

 

31. Precisas de silêncio total para ler?

Prefiro, mas não preciso de silêncio total.

 

32. Quem te transmitiu o amor pela leitura?

Ninguém. Simplesmente era a única criança no meio de adultos e tinha de me distrair. Nunca fui para fora de férias até trabalhar pelo que passva as férias a ler.

 

33. Escritor/a que gostarias de entrevistar.

Nenhum. Não tenho qualquer jeito.

 

34. Escritor/a que daria um/a excelente amigo/a

Nenhum. Esse tipo de pessoas estão em pedestais. Se as conhecermos provavelmente ficamos desiludidos.

 

35. Livro que releste mais vezes?

Eu não faço releituras. Os únivos livros que reli foram os da série "Harry Potter".

 

36. Escritor/a clássico favorito/a?

Não leio ou gosto suficientemente de clássicos para ter uma opinião.

 

37. Livros que deviam ser indicados na escola.

Livros mais curtos, contemporâneos e infanto-juvenis. Só assim os miúdos vão gostar de ler. É só dar um calhamaço de outro século e está o caldo entornado.

 

38. Livros que deviam ser banidos da escola.

Nenhum. Tem de haver diversidade incluindo os clássicos. De outra forma nunca os conheceríamos.

 

39. Preferes ler um livro de cada vez ou vários ao mesmo tempo?

Vários.

 

40. Qual a tua política de empréstimo de livros?

Mesmo sabendo que muitos não voltam, empresto tudo a toda a gente. Como não gosto de reler, não tenho grande apego. Só os meus livros preferidos é que me deixam ligeiramente ansiosa. Recentemente emprestei um deles e esse espero que volte. 

 

41. O que estás a ler?

Com a bebé: "Contos" de Beatrix Potter 

Audiobook: Lady's guide to Petticoats and Piracy" de Mackenzi Lee.

Livro físico: "O Diário Secreto de Adrian Mole aos 13 anos e 3/4" de Sue Townsend.

E-book: "Pão de Açúcar" de Afonso Reis Cabral.

 

42. Qual será a tua próxima leitura?

"Jane Eyre" de Charlotte Bronte.

20
Set18

TAG | Estante de Livros

Bárbara

1. Quantas estantes de livros tens?

1 mas é grande e funda. Os livros técnicos estão atrás dos livros de literatura. Quero comprar uma pequena para pôs os livros infantis no quarto da bebé. Tenho ainda os de culinária num armário da cozinha.

 

5843F211-DB7B-46DA-81A5-CF2E71FCF730.jpeg

 

 

2. Quantos livros tens nas estantes? Ou quantos livros pensas que tens?

486. Sim, fui contar...

 

3. Como organizas os teus livros?

Por género, quando possível.

 

4. Qual é o livro mais antigo na tua estante?

O livro mais antigo é "Uma aventura nas férias de Natal", apenas 2 anos antes de nós nascermos. Não tenho livros herdados e não gosto de comprar ou trocar livros antigos porque me dão sensação de falta de ar.

 

5. Qual é o livro mais novo na tua estante?

"O Poder" de Naomi Alderman que comprei para o Net Book Club e estou a ler neste momento.

 

6. Qual é o livro mais longo na tua estante?

O Harrison. Para quem não é médico, este é o tratado de medicina interna usado para o exame de acesso à especialidade. Durante a especialidade, li tratados de cirurgia maiores com quase 3000 pgs mas só os tenho em versão digital que comprá-los é na ordem dos 200-300€ cada.

 

7. Qual é o livro mais curto na tua estante?

Os de banda desenhada do Astérix.

 

8. Qual é o género literário predominante na tua estante?

Infanto-juvenil. Na idade certa li muitos e o Luís também. Entretanto continuo a gostar, pelo que continuam a entrar cá em casa mesmo enquanto adulta.

 

9. Já fizeste uma tour das estantes?

Já sim. Está nos destaques das minhas Instastories.

 

10. Vai ao random.org e fala do livro na tua estante que corresponde a esse número.

 Saiu o nº 84 que corresponde ao "Memórias da II guerra mundial" de Winston Churchill.

 

11. Que decorações tens na tua estante?

Várias, mas predominante Pops.

 

12. Mostra-nos as tuas estantes.

0B999B03-0057-4B99-98D0-1D7FCB8C9A1D.jpeg

 

08
Set18

TAG | Get To Know Me

Bárbara

Disciplina favorita no secundário?

Matemática

 

Consegues tocar com a língua no nariz?

Não

 

Rede social favorita?

Instagram

 

O melhor da tua vida neste momento?

O amor que me rodeia. Não tenho a família mais funcional do mundo mas gostam todos muito de mim.

 

Cantas no chuveiro?

Sim

 

Tens tatuagens?

Sim. Uma pata de cão no punho que só fiz com 31 anos. Gostava de fazer outras mas cicatrizo mal e a tinta fica esborratada.

 

DC9F51A6-1BDC-4883-A111-6CFC81D8ED15.jpeg

 

Quantos países já visitaste?

10

 

Tens alguma alergia?

Marisco mas como na mesma depois de tomar um anti-histamínico. Não recomendo...

 

O que te assusta ao envelhecer?

A solidão

 

Gostavas de viver fora?

Não. Já vivi em Itália um semestre da faculdade e gostei muito mas também aprendi a dar valor ao meu país.

 

Quantos dias aguentarias em solitária?

Nenhum

 

Sabor preferido de chá?

Não gosto de chä. De infusões gosto e a minha preferida é de frutos vermelhos.

 

O que está debaixo da tua cama?

Pelo. Por mais que se aspire, o chão desta casa tem sempre um manto de pelo.

 

Algo que gostavas de ser dotado a fazer?

Capacidade de treino. Seja desporto, instrumento musical, ou outra coisa que exija treino, sempre fui preguiçosa.

 

Qual a primeira app que abres quando acordas?

Bebé+. O meu despertador é sempre a bebé Maria e nunca sei de que mama ela mamou da última vez. Nessa app tenho apontado.

 

Tens medo de alturas?

Sim. Subo sempre mas depois entro em pânico para descer.

 

És boa cozinheira?

Para doces sim, para comida mesmo nem por isso.

 

Qual a tua forma favorita de passar o tempo?

Sem fazer nada.

 

Tipo favorito de roupa?

T-shirt, calças de ganga e sapatilhas.

 

Cor favorita?

Amarelo.

 

Atriz favorita?

Jennifer Lawrence.

 

Os teus avós ainda estão casados?

O meu avó materno morreu deixando a minha avó viúva. Os meus avós paternos também já morreram e eram divorciados.

 

TV Show favorito?

Grey’s Anatomy e Prison Break.

 

Tipo de música favorita?

Jazz e Rock

 

Se pudesses fazer voluntariado o que farias?

Em Portugal, trabalharia com cães. Fora, gostava de operar desfavorecidos.

 

Que problemas achas mais problemáticos?

A humanidade e o seu descuido para com o planeta.

 

De 1 a 10 como avalias a tua condução?

6. Não tenho o maior jeito do mundo mas já tenho alguma experiência.

 

Cardio ou pesos?

Desportos coletivos.

 

Se tivesses 1 ano de vida o que farias?

Viajava 

 

Se pudesses dar um conselho ao teu “eu mais novo” qual seria?

Podia dar muitos mas não ia resultar. É preciso passar pelas experiências.

 

Se pudesses salvar apenas um qual seria - Humanidade ou Planeta Terra?

Planeta. A Humanidade é o problema do planeta.

 

Pepsi ou Coca-Cola?

Nenhuma.

 

Preferias ser um génio ou rico?

Rico. Os génios habitualmente são isolados e infelizes.

 

Skydive ou Bungee Jumping?

Nenhum. Não gosto de desportos radicais, não tenho qualquer necessidade de adrenalina, chega-me a vida e a minha profissão.

 

És uma pessoa de manhãs ou noites?

Tenho dificuldade em acordar mas também tenho sono cedo.

13
Jul18

TAG - Sou um leitor culpado?

Bárbara

Esta tag já foi feita por toda a gente, mas eu só comecei o blog há pouco tempo, por isso cá vai:

 

102000_102030_neubecker_bookshame.jpg.CROP.promo-l

 

1. Já alguma vez ofereceste a alguém um livro que te tenha sido oferecido a ti?

Acho que não. Já ofereci livros comprados em segunda mão porque eu também os compro para mim. Também já ofereci livros que eu comprei para mim e mal o comecei a ler não gostei e achei que aquela pessoa iria gostar.


2. Já alguma vez disseste que leste um livro quando na realidade não leste?

Sim! Quem nunca mentiu a um professor de português? Eu não li "Os Maias", desisti no capítulo 6 e li o resumo.


3. Já alguma vez pediste um livro emprestado e não devolveste?

Nunca! Eu aponto sempre essas coisas. Ou devolvo no fim da leitura ou ao fim de algum tempo se não me decido a lê-lo em tempo útil.


4. Já alguma vez leste uma série fora de ordem?

Já li foram de ordem séries infanto-juvenis tipo "Uma Aventura" mas acho que não faz qualquer diferença porque na realidade funcionam como livros individuais. Séries que faz diferença acho que nunca li pela ordem errada.


5. Já alguma vez spoilaste um livro para alguém?

Sim. Eu tenho uma memória muito selectiva e não me importo de ser spoilada, por isso acabo por fazer o mesmo aos outros.


6. Já alguma vez dobraste o canto duma página para marcar onde é que ias a ler?

Nunca. Uso sempre marcadores


7. Já alguma vez disseste a alguém que não tens um livro quando na realidade tens?

Não. Não vejo necessidade. 


8. Já alguma vez disseste a alguém que não leste um livro quando na realidade leste?

Não. Embora haja perconceito sobre o tipo de leituras que cada um faz, eu não aceito isso. Mais vale não conversar sobre livros com pessoas que vão criticar.


9. Já alguma vez saltaste um capítulo ou uma secção de um livro?

Acho que não mas talvez não tivesse desistido de alguns livros se o tivesse feito. Se tivesse saltados os capítulos da descrição do Ramalhete em "Os Maias" talvez tivesse lido o livro.


10. Já alguma vez falaste mal dum livro de que na realidade gostaste?

Como respondi na pergunta 8, acho que isso não tem qualquer sentido.

 

Deixo o vídeo da Chami com a tag original.

20
Jun18

Mid-year book freakout tag

Bárbara

A Claudia do blog e canal “A mulher que ama livros” marcou-me para responder a esta Tag. O meu muito obrigada por te lembrares de mim. Ano passado respondi aqui. Este ano li muito menos mas aqui vai:

 

1. O melhor livro que você leu até agora, em 2018. 

Ser mortal” de Atul Gawande. A minha mente ainda não saiu desse livro nem vai sair tão cedo. Aliás, não quero que saia nunca mais porque espero ter aprendido tudinho o que está lá escrito.

 

2. A melhor continuação que você leu até agora, em 2018.

“Harry Potter e os talismãs da morte” de J. K. Rowling. Harry Potter é a minha série preferida.

 

3. Algum lançamento do primeiro semestre que você ainda não leu, mas quer muito ler.

“Stories for boys who dare tone different” de Ben Brook. À semelhança de “Histórias adormecer para raparigas rebeldes”, saiu este livro que mostra que rapazes não convencionais podem ter lugar no mundo.
 

4. O livro mais aguardado do segundo semestre.

“The lady’s guide petticoats and piracy” de Mackenzi Lee. Adorei o primeiro “The gentlemen’s guide to vice and virtude” e estou morta por ler este. A Felicity é uma personagem maravilhosa.

 

5. O livro que mais te decepcionou esse ano.

“A cidade dos ossos” de Cassandra Clare. Ando a arrastá-lo há imenso tempo e não tenho vontade nenhuma de o acabar ou seguir com a série. É uma série tão aclamada e eu adorei a trilogia “The infernal devices” da autora, mas este é demasiado para adolescentes americanos.

 

6. O livro que mais te surpreendeu esse ano.

Caderno de memórias coloniais” de Isabela Figueiredo. Não tinha grandes expectativas antes de o ler e quando comecei até pensei em desistir mas acabei por gostar muito. Os factos históricos também me surpreenderam muito. Sou uma ingénua...

 

7. Novo autor favorito (que lançou seu primeiro livro nesse semestre, ou que você conheceu recentemente).

Atul Gawande. Depois de ler o “Ser mortal” só me apetece ler todos os livros dele. Escreve muito bem e seleciona muito bem a informação que usa. Ele é cirurgião geral como eu e por isso identifico-me. Claro que ele é só um bocadinho mais experiente e conhecedor dado que é professor em Harvard e investigador.

 

8. A sua quedinha por personagem fictícia mais recente.

Não tenho nem nunca tive. Eu não consigo imaginar personagens fictícias como pessoas reais.

 

9. Sua personagem favorita mais recente.

Acho o Aragorn do “Senhor dos anéis” muito interessante. Não tem sede de poder apesar  da sua herança, é um bom homem.

 

10. Um livro que te fez chorar nesse primeiro semestre.

Eu sou uma sentimentalona mas nunca chorei com um livro. Acho que o meu cérebro só é sensível a imagens.

 

11. Um livro que te deixou feliz nesse primeiro semestre.

10 dias para ensinar o seu filho a dormir” de Filipa Fernandes. Com este livro vi a luz ao fim do túnel. Ao lê-lo percebi logo que o método podia resultar. Ao pôr em prática fiquei mesmo feliz porque a bebé já dorme mais tranquilamente e mais algum tempo seguido. A minha vida melhorou indescritivelmente.

 

12. Melhor adaptação cinematográfica de um livro que você assistiu até agora, em 2018.

Acho que não vi filme nenhum este ano que seja uma adaptação mas li “A irmandade do anel”, cuja adaptação de Peter Jackson é muito bem feita.

 

13. Sua resenha favorita desse primeiro semestre (escrita ou em vídeo).

 Eu adoro o booktube mas resenhas não são os vídeos que gosto de ver. Prefiro ver no final do ano os livros favoritos das pessoas para saber quais valem realmente a pena. De qualquer forma, há gente que consegue dar-me vontade de ler até géneros que não gosto nomeadamente a Claudia que me marcou o Hugo do canal “Aprendiz de leitor” e a Filipa do canal “filipab0oks”.

 

14. O livro mais bonito que você comprou ou ganhou esse ano.

“As cientistas” de Rachel Ignotofsky. Vi na montra e tive de comprar mesmo sem saber se valia alguma coisa.

 

15. Quais livros você precisa ou quer muito ler até o final do ano?

Eu queria muito ler os livros da Jane Austen e das irmãs Bronte mas não sei se vou conseguir a disponibilidade necessária para os apreciar em condições.
 
 
Gostava que respondessem:
- Sofia do blog “The Daily Miacis” 
- Ana do canal “The Phoenix Flight”
- Isa do blog e canal “Jardim de mil histórias”
- Filipa do canal “filipab0oks”
04
Jun18

Tag - Fogo rápido

Bárbara

tag 3.jpg

 

Esta Tag foi criada pela Kate do canal GirlReading e já vi várias vezes no booktube português.

 

01) E-book ou livro físico
Livro físico. Gosto de saber onde vou no livro e no capítulo. No entanto, gosto de ter sempre um ebook no telemóvel em leitura para momentos em que não posso ter o livro na mão. Também dá jeito para quando ando fora de casa não só por não ter de carregar um livro mas também porque assim não se estraga. Além disso são mais baratos.

 

02) Capa mole ou Capa dura?
Capa mole. É mais prático para ler. Também não gosto do facto dos livros de capa dura trazerem jacket.

 

03) Livraria Online ou Livraria Física?
Livraria física. Adoro andar a ler sinopses e ver capas para decidir que livro desconhecido compro. No entanto, desde que comecei a ver o booktube, só escolho livros com base em recomendações da comunidade e acabo por comprar online porque são mais baratos.

 

04) Série ou Trilogia?
Depende. Há livros que merecem série mas a maioria enche chouriços para fazer render o peixe.

 

05) Heróis ou Vilões?
Heróis, mas sei reconhecer as qualidades dos vilões.

 

06) Um livro que recomenda para todo mundo ler?
“We Should All Be Feminists” de Chimamanda Ngozi Adichie. É um livro minúsculo que não custa nada a ler e que pode mudar a mentalidade das gerações futuras.

 

07) Um livro subestimado?
Nunca ouvi ninguém falar do “Wild Berlin” de Elly Welt e quando li adorei. É um filme cuja a ação decorre no Holocausto e fala de um adolescente que vai viver para um laboratório de genética.

 

08) O último livro que terminou de ler?
“O mistério do comboio azul” de Agatha Christie.

 

09) O último livro que comprou?
“10 dias para ensinar o seu filho a dormir” de Filipa Sommerfeldt Fernandes que ainda não chegou e foi recomendado pelo pediatra da Maria.

 

10) Coisa mais estranha que usou de marcador de página?
Eu uso sempre marcador. Quanto muito uso o telemóvel para marcar temporariamente.

 

11) Livros usados: sim ou não?
Sim. Ler não tem de ser um passatempo caro. Compro livros em segunda mão no Facebook e OLX, troco livros no Winkingbooks e, quando há o livro que quero ler na biblioteca, pego emprestado.

 

12) Três Gêneros Literários Favoritos?
Fantasia, policiais e romances históricos.

 

13) Comprar ou Emprestar?
Emprestar. Não me importo nada de emprestar, apesar de que nem sempre os livros voltam, mas gosto de partilhar aquilo que gostei de ler. Se alguém tiver o livro que quero ler aproveito. E mais uma vez, uso a biblioteca, mas a maioria das vezes só encontro clássicos.

 

14) Personagens ou Trama?
Trama. Eu sou muito pela história, mesmo em filmes, muito mais que pela arte da coisa. Por melhores que as personagens sejam construídas, se a história não prestar, não valem nada.

 

15) Livros longos ou curtos?
Curtos, odeio calhamaços. Demasiado curtos também não contam bem a história. Por exemplo, não gosto de contos.

 

16) Capítulos longos ou curtos?
Curtos, parece que a leitura flui mais depressa.

 

17) Os primeiros três livros que vierem à sua cabeça...

Série Harry Potter da J. K. Rowling, "O mundo de Sofia" de Jostein Gaarder e "Ética para um jovem" de Fernando Savater.

 

18) Livros para rir ou livros para chorar?
Para chorar, não que chore a ler, mas porque odeio comédia. Sou uma sentimentalona com filmes, mas com livros não choro.

 

19) Nosso Mundo ou Mundos Fictícios?
Nosso mundo. Gosto muito de livros de fantasia mas prefiro que sejam passados no nosso mundo.

 

20) Audiobook. Sim ou Não?
Sim, sim, sim. Desde que a bebé nasceu quase só consigo ler se for em audiobook. Obviamente que não dou a mesma atenção mas permite multitasking. Aproveito para ler livros que não estão traduzidos porque não gosto Decker em inglês. Além de não ter muito jeito para línguas, acho que estou traumatizada por causa do estudo durante o internato. Li milhares de páginas de calhamaços em inglês.

 

21) Você julga um livro pela capa?
Não. Gosto de capas bonitas mas acho que nunca foi motivo para comprar um livro.

 

22) Adaptações de Livro para Filme ou de Livro para Série de TV?
Para filme. Transformar numa série só se for uma série de livros. Se for um livro único, vão alterar muito a história para encher chouriços.

 

23) Um filme que você gostou ou uma série de TV que você gostou mais do que o livro?
Raramente vejo a adaptação de um livro que li ou leio o livro depois do filme. Como me preocupo mais com a história, já a conheço e não faz sentido estar a repetir.

 

24) Livros em Série ou Livros Únicos?
Livros únicos. Já gostei muito se séries e de trilogias, mas se ficar a saber a história toda num só livro, melhor.

28
Mai18

Tag - The Booktube Watching

Bárbara

booktube-1.jpg

 

Esta tag foi publicada originalmente por Harriet Rosie e tem sido feita pelos booktubers portugueses. Como viciada no YouTube que sou, cá vão as minhas respostas:

 

1 - Quantos canais subscreves? 

64. Destes, subscrevo 16 canais do BookTube estrangeiro e 24 do português. 5 ainda estão à experiência. Eu seleciono muito os vídeos que vejo dentro dos canais subscritos e quando começo a perceber que não tenho interesse na maioria dos vídeos desisto.

 

2 - Quando tens por hábito ver os vídeos do BT?

Quando estou a cozinhar, arrumar ou arranjar-me. Por isto, não gosto quando as pessoas escrevem alguma coisa e não o dizem em voz alta porque nem sempre estou a ver o vídeo, mas sim a ouví-lo.

 

3 - Como contra balanças o processo de ver vídeos do BT, ler e fazer os teus próprios vídeos?

Eu não faço vídeos e só escrevo posts há muito pouco tempo. Acho que vejo mais vídeos do que leio porque não preciso do mesmo grau de atenção e dá para fazer multitasking.

 

4 - Existe alguma diferença entre os vídeos que gostas de ver e os vídeos que gostas de fazer?

Não se aplica por não fazer vídeos mas há vídeos muito populares no BookTube que eu não gosto nomeadamente hauls e unboxings de caixas subscritas porque estimula o consumismo e as pessoas ainda nem leram os livros pelo que não podem ter opinião sobre eles. Atenção que se forem unboxings de prendas ou trocas já acho piada. Também não adoro vlogs mas vejo alguns de pessoas de quem gosto muito da personalidade.

 

5 - Quem foi o primeiro BT que subscreveste? Ainda segues o canal?

"Books with Emily Fox" e ainda sigo e acho que é a minha booktuber preferida. Ela tinha um canal de beleza que eu seguia e depois criou este. A partir daí fui ao Google procurar BookTube português e fui descobrindo os canais que sigo agora. Acho um piadão à personalidade dela, é complexa. Tem gosto literário diversificado e não tem qualquer problema em criticar livros populares.

 

6 - Qual foi o último BT que subscreveste?

Tenho alguns à experiência mas não vou contar com esses. O último que subscrevi e ficou foi o "The Phoenix Flight". Gosto da personalidade da Ana, do seu gosto literário e dos vídeos sem ser de livros que ela faz.

 

7 - Partilha um BT mais antigo de que gostas bastante.

Do BookTube português gosto do canal "A mulher que ama livros" e do estrangeiro, nomeadamente Canadá, do "Hailey in Bookland. Esta moça aspira a ser escritora e os vlogs dela são giros.

 

8 - Partilha um novo BT favorito.

Do BookTube português gosto do canal "Aprendiz de Leitor" e do estrangeiro, nomeadamente Canadá, do "Books with Emily Fox". O Hugo é super carismático. Eu nem gosto do mesmo género de livros que ele e não perco um vídeo.

 

9 - O que é um BT "pet peeve" teu?

Odeio mas odeio e desisto muitas vezes de canais por esse motivo. Gente, não ponham música por trás da vossa voz que é uma distração.

 

10 - O que aprendeste com o BT?

Que não é preciso ter formação em literatura para ter opiniões interessantes e que todos os géneros literários têm lugar válido no mundo. Eu achava que por não gostar de clássicos e por ser da área da ciência não me podia considerar uma leitora. 

21
Mai18

NY Times By The Book Tag

Bárbara

nytimes_zpsy5il5idn.png

 

Esta tag foi criada originalmente por Marie Berg e tem sido feita por vários booktubers portugueses.

 

1. Qual livro está na sua cabeceira?

Eu leio sempre vários livros ao mesmo tempo. Na cabeceira tenho o “Histórias de adormecer para raparigas rebeldes 2” que vou lendo à bebé. Além disso, tenho um na bolsa, um na sala e dois no telemóvel (um audiobook e um ebook).

 

2. Qual foi o último livro realmente bom que você leu?

“A irmandade do anel”. 
Nunca tinha tido coragem de ler a trilogia porque são livros grandes e porque odiei o "Hobbit". Mas, neste momento é difícil ler livros físicos por causa da bebé, então aproveitei para ouvir os audiobooks. O timing foi perfeito porque está a haver uma leitura conjunta organizada pela Mafalda do canal "A outra Mafalda" e pelo Hugo do canal "Aprendiz de Leitor".
O livro é uma obra de arte. Tolkien inventou todo um mundo, línguas, músicas...
 

 

3. Se você pudesse encontrar qualquer escritor/a, vivo/a ou morto/a, quem seria? E o que gostaria de perguntar a ele/ela?

Vou dar a resposta óbvia e dizer o Tolkien. Além da imaginação prodigiosa, parece-me uma pessoa muito interessante, boa. Pai extremoso, homem a tentar vencer preconceitos com a fantasia...
Gostava de lhe perguntar qual era o problema dele para querer deitar fora as obras e não publicar quase nada. 

 

4. Qual livro ficaríamos surpresos de encontrar na sua estante?

Gosto muito de trabalhos manuais, por isso tenho livros de costura, tricot...

 

5. Como você organiza a sua biblioteca pessoal? 

Por género, a seguir autor e por fim série. Também tenho uma prateleira de TBR para livros que não pertencem a nenhuma série.

 

6. Qual livro você "já deveria ter lido"? 

Os da Jane Austen e das irmãs Bronte. Tenho a certeza que vou gostar e é um incentivo a ler clássicos. Por uma razão ou por outra vão sempre ficando para trás.

 

7. Um livro que o/a desapontou, superestimado, nada bom; Um livro que todos dizem ser a sua cara, mas que não gostou; Último livro abandonado

”O império final” da trilogia “Mistborn” de Brandon Sanderson. Tentei ler três vezes e cheguei a meio mas não aguentei mais. Tive a mesma sensação que tive na adolescência a ler a descrição do Ramalhete nos “Maias”. É super descritivo e quase não vai introduzindo ação nenhuma. Não tenho paciência para livros assim. Aproveito para dizer que não tenho qualquer problema em abandonar livros.

  

8. Que tipos de histórias chamam a sua atenção? De quais tipo de histórias você mantém distância?

Ao início ia responder que não sei mas acho que gosto de histórias de amor e detesto de terror.

 

9. Se você pudesse indicar um livro para o/a presidente, qual seria?

Esta pergunta é impossível de responder para o nosso presidente actual. É provavelmente um dos maiores leitores do nosso país. Ele é que indica livros aos outros.
 

10. Quais livros você pretende ler em breve?

Queria ler livros inseridos em projetos. Pretendo continuar a trilogia do Senhor dos Anéis para a leitura conjunta da qual já falei, os livros do Poirot e da Miss Marple da Agatha Christie para o 365 dias com Poirot e Marple do blog "The Daily Miacis", os livros das irmãs Bronte para este clube de leitura, os livros da série Shadowhunters para esta maratona literária e os clássicos que me forem interessando para o Clube dos Clássicos Vivos. Tenho falhando redondamente para quase todos...
30
Abr18

Tag - Livros futuros clássicos

Bárbara

5A848CEB-787A-4BCA-ADAB-2E348551B904.jpeg

 

Vi recentemente um video da booktuber ittlespider9  que fez esta Tag e achei muito interessante. É originalmente do Eric Karl Anderson.

O objetivo é nomear cinco livros que prevês que se tornarão clássicos.

 

Eu não gosto muito de clássicos. Provavelmente só tive más professoras de português. Nunca mais me esqueço da análise chatíssima dos “Maias” ao pormenor do significado das letras nas palavras. Por amor à Santa... Li alguns que gostei e tenho outros que quero ler. Acho esta Tag gira porque todos os clássicos já foram contemporâneos e alguns dos nossos também vão ser.

1) Escolhe um clássico estabelecido que achas que ainda será relevante no futuro.

“O retrato de Dorian Grey” de Oscar Wilde. A sociedade mudou muito desde que foi escrito mas ainda assim se mantém atual. A sociedade mantêm-se estratificada, apesar de disfarçada; o machismo ou a homofobia  não desapareceram; e a futilidade está no auge com as redes sociais. Provavelmente no futuro vai ser tudo igual.

2) Escolhe um livro recente que achas que passou despercebido, mas que estás confiante que será um clássico.

”Para educar crianças feministas - um manifesto” de Chimamanda Ngozi Adichie. Não passou totalmente despercebido mas só vi ser lido por mulheres. O feminismo não é uma coisa de mulheres, é igualdade. Para que a sociedade melhore, os homens também têm de ler coisas do género. Este livro é genial, simples, lógico e vai de certeza ser relembrado como um passo gigante para acabar com a sociedade machista em que vivemos.

3) Escolhe um título que ganhou recentemente um dos teus prémios favoritos e que achas que ainda será elogiado daqui a 50 anos.
“O ódio que semeias” de Angie Thomas. O racismo tem de acabar, isso é ponto assente, mas nunca mais acaba. Acredito que este livro pode ter dado um passo importante nesse sentido e que será recordado por isso.


4) Escolhe um livro recente que ainda não leste, mas que achas que se pode tornar um clássico baseado apenas na reputação (resenhas, GoodReads, recomendações de bookTube, etc.).
“O rouxinol” de Kristin Hannah. Só ouço falar bem e o holocausto não pode cair no esquecimento 


5) Escolhe um livro favorito que desejas guardar para seus netos (ou netos de seus amigos) para lerem em 50 anos. Pode ser um livro infantil ou um livro para adultos - qualquer coisa com a qual te conectes pessoalmente e esperas que uma futura geração também se conecte.

Harry Potter, podia lá ser outro, mas este se calhar até já pode ser considerado clássico.

 

Gostava muito que algumas pessoas que leêm mais o género que eu respondessem porque vão de certeza dar boas sugestões:

a mulher que ama livros

aprendiz de leitor

holly reader

diário da Chris

sede de infinito 

24
Abr18

Tag - Viagens

Bárbara

A Isaura do blog e canal Jardim de Mil Histórias fez a Tag Viagens e, como eu partilho o gosto por viajar, decidi replicar.

 

dsc_0413_33887348243_o.jpg

 

1 | Gostas de viajar? 
Sim, senão não estaria a fazer a Tag.
 
2 | As suas viagens são a trabalho ou a lazer? 
A lazer. Já fui a alguns sítios por causa de congressos mas como são pagas por mim e são, juntei sempre dias de férias para passear.
 
3 | Quais os lugares que já viajaste? 
A ver se não me esqueço de nada. Não vou especificar Portugal continental senão nunca mais saía daqui.
Portugal: Madeira (Funchal e Câmara de Lobos) e Porto Santo
Espanha: Madrid, Barcelona, Salamanca, Santiago de Compostela, Baiona e Vigo
França: Paris
Reino Unido: Inglaterra - Londres e Manchester, road trip por toda a Escócia
Holanda: Amesterdão 
Austria: Viena
Itália: Roma, Milão, lago Como, Florença, Siena, Lucca, Assis, Pádua, Verona, Veneza, Pavia, Turim, Génova, Cinqueterre, Capri, Nápoles, Pompeia e roadtrip por toda a Sardenha
Namíbia
República Dominicana
Cuba: Varadero, Havana, Santa Clara, Trinidade, Cienfuegos 
EUA: Nova Iorque, Washington DC e cataratas do Niagara
 
4 | Qual a melhor viagem que fizeste? 
A roadtrip pela Escócia e ainda podia ter sido melhor se tivesse sido planeada.
 
5 | Qual a pior viagem que fizeste?
Cuba foi uma desilusão mas em parte porque fomos por agência de viagem.
 
 6 | Conta uma situação engraçada que já passaste numa viagem?
Não diria que é propriamente engraçado mas no voo Istambul-Joanesburgo quando fui à Namíbia disseram a frase mais assustadora que podiam ter dito: “Há um médico a bordo?” Mais ninguém se levantou e a partir daí passei a ser responsável por algumas decisões a bordo enquanto sobrevoava África, não a Europa...
 
 7 | Já passaste por alguma situação perigosa em alguma viagem? 
Quando estava de Erasmus em Roma decidi apanhar sozinha o comboio noturno para Viena. Foi um bocado assustador. Podia ter corrido mal. 
 
8 | Qual a viagem que sonhas fazer?
Nunca mais acabo se começar a dizer porque me falta o mundo todo. Gostava de visitar quase todas as capitais europeias. Quero revisitar a Escócia, claro, e a propósito dessa ir à Irlanda. Quero ir com o meu marido a Roma, onde vivi e motivo pelo qual tive assunto com ele porque ele viveu lá no semestre seguinte. Brasil e Argentina.
 
9 | Gostas mais de viajar para o campo, praia ou lugares mais urbanos? 
Em Portugal, campo. No exterior, urbano. Odeio praia.
 
10 | Conta como fazes os teus roteiros. Agência de viagem ou conta própria? 
Gosto de fazer eu. As viagens que não preparei podiam ter sido melhores e as que fiz por agência de viagens não correram muito bem.
 
11 | Viajas com amigos, família ou sozinho? 
Já viajei sozinha e com amigos. Agora viajo com o meu marido que não faz sentido doutora maneira. Estou ansiosa por ir à bebé ter idade para apreciar.

 

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D