Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Delicada como um elefante

30
Ago18

September reading club -TBR e TBS

Bárbara

39813775_1822135391235367_1627256442941603840_n.jp

 

Eu adoro as maratonas que a Cat organiza porque não são só de livros. Apesar do meu passatempo preferido ser a leitura, gosto de variar. Prefiro séries a filmes, até porque implicam menos tempo. 

Assim, escolhi como tema desta maratona terminar coisas. Adoro palavras pansemióticas ;)

 

Livros

1 - Terminar um livro físico - "Frankenstein" de Mary Shelley

2 - Terminar um audiobook - "O regresso do Rei" da trilogia "O Senhor dos Anéis" de J. R. R. Tolkien

3 - Terminar um ebook - "Crónicas do pássaro de corda" de Haruki Murakami

 

Séries

1 - Terminar uma temporada que estejas a ver sozinha - Lucifer 5 episódios 

2 - Terminar uma temporada que estejas a ver acompanhada - Lethal Wepon 3 episódios 

3 - Terminar uma temporada de uma série curta - Young and Hungry 5 episódios

 

Filmes

1 - Ver uma sequela - Mamma Mia! Here we go again

 

Obviamente que não vou cumprir estes desafios todos, mas sonhar não custa.

 

12
Ago18

Wrap up de "Minimaratona da Cat" e "Lê como estiveres"

Bárbara

Durante a semana passada decorreram estas duas maratonas do BookTube português.

 

A minimaratona organizada pela Cat do canal "Cat in the net" foi no fim de semana passado. Esta maratona não é só literária. Dela também fazem parte séries e filmes. Adoro! A atribuição de pontos era a seguinte:

- 25 pgs - 1 ponto

- 1 episódios - 2 pontos

- 1 filme - 3 pontos

 

Eu fiz 17 pontos com:

- 77 pgs de "Crime na Mesopotâmia" da série Poirot de Agatha Christie

- 42 pgs de "Os mais belos contos de Grimm"

- 6 pgs de "Return of the king" da série "Senhor dos Anéis" de J. R. R. Tolkien

- 1 episódio de "Grey's anatomy"

- 1 episódio de "Lethal weapon"

- 2 episódios de "Young & Hungry"

- 2 episódios de “Lucifer”

 

A maratona "Lê como estiveres" organizada pela Dora foi durante a semana e a ideia era publicar fotos e vídeos a ler como estivéssemos. Durante este tempo acabei 3 livros e publiquei 8 fotos no meus Instagram; a brincar com a bebé, a contar-lhe histórias, a ouvir um audiobook no carro, na fisioterapia e com as cadelas.

Estes são os livros que terminei:

 

img_228592968_1505029757_abig.jpg

 

18
Jun18

Séries - The Crown

Bárbara

F2360E89-7DD5-4C44-952B-2B8900A092D5.jpeg

 

Gosto muito de séries históricas, embora fique sempre com dúvida do que é real e do que  é romantizado.

Sobre esta, gosto de acreditar que é real uma vez que a rainha Isabel II ainda está viva.

Acabámos de ver a segunda temporada.

 

Na primeira temporada já fiquei a gostar da rainha mas nesta fiquei com pena dela e do príncipe Carlos. O Príncipe com sorte é um idiota, marcado pelo seu passado, mas idiota. A rainha é uma mulher comum, que tem de se sujeitar aos protocolos e não será ela a culpada das decisões reprováveis. Dentro do pouco poder que tem e da pouca cultura e até esperteza, vai conseguindo fazer algumas coisas positivas.

Sobre a série em si, adoro os atores, o guarda-roupa e os cenários. Quando a rainha se refugia na Escócia fico cheia de saudades. Também me parece que os episódios dividem bem a história, não a tornando massuda, nem parca de pormenores. 

Ficamos à espera da nova temporada, com mudança dos actores.

 

27
Mai18

Séries - This is us

Bárbara

A1151862-093A-4999-8202-9215D12D2CD5.jpeg

 

Quando esta série saiu li a sinopse e não me interessou. Achei que era mais uma série ao estilo da “Brothers and Sisters” ou “Parenthood”. Apesar de ter gostado de ambas, era algo que já me cansava. Acho que nem cheguei a ver o trailer. 
Entretanto, vi uma crítica muito positiva, já não me lembro onde, e comecei a ver. No primeiro episódio fiquei boquiaberta. Ontem lá consegui acabar a primeira temporada e estou ansiosa por conseguir ver a segunda.
Trata-se de uma história de 3 irmãos, dois deles gémeos e um adoptado aquando da morte do terceiro gémeo. Cada episódio conta uma parte da história recorrendo a vários momentos temporais. Sempre que acho que sei o que vai acontecer no fim do episódio, eles conseguem surpreender principalmente o primeiro episódio que explica esta dinâmica que explanei. 
As personagens estão muito bem construídas e não há ninguém mau. São pessoas normais com qualidades e defeitos. Gosto de cada uma delas é desejo-lhes o melhor. Há tanto amor nas suas histórias... Há também alcoolismo, toxicodependência, doença, morte, divórcio. É uma série muito bem temperada.
A ação não se desenrolou toda de uma vez, mas também não é parada. Vão-nos dando um rebuçado a cada episódio.
Um aplauso para a diversidade. Os irmãos incluem uma obesa e um negro. A mãe é uma cantora que teve de se dedicar à casa e aos filhos porque ter 3 bebés de uma vez é dose, mas há nela representatividade feminista. 
Talvez seja a minha série preferida de sempre.
02
Mai18

Séries - Scandal

Bárbara

10.jpg

 

Ontem dissemos adeus ao Scandal.

Adorámos as primeiras temporadas. O jogo do poder era muito interessante. Ver que o presidente é só uma marioneta...

A personagem principal era fortíssima, uma mulher e negra. Espero que tenha tido impacto na sociedade americana que é tão sexista e racista.

Aquilo foi enrolando como todas as séries longas, mas a Shonda Rhimes soube manter o enredo interessante. Aquela constante mudança das personagens do lado bom para o mau e vice-versa, a mostrar que as circunstâncias manipulam as pessoas. Como a própria roteirista disse: o mau da fita era o poder.

Dela, mantemo-nos a ver a Anatomia de Grey da mesma produtora.  Desisti do “How to get away with murder” e do “Private practice”. Adorei o “The catch”. 

Entretanto, comprei o livro dela “O ano do sim” e estou ansiosa por ter tempo para o ler.

 

transferir.jpg

 

 

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D