Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Delicada como um elefante

23
Mai18

Publicidade

Bárbara

6586A888-9A4D-4B19-A484-37567F1684A2.jpeg

Por vários motivos tentei eliminar a publicidade que me entra em casa:

1 - o gasto de papel é mau para o meio ambiente. Eu punha tudo para reciclar, mas ainda assim, gosto de pensar que estou a contribuir para reduzir.

2 - porque o marketing funciona e não quero gastar dinheiro.

3 - porque não quero tralha em casa. Se precisar de comprar alguma coisa, eu procuro. Também não me serve de nada saber das promoções se isso me causa mais stress a saber onde está o melhor negócio. Prefiro adoptar a estratégia de comprar as coisas não perecíveis no meu hipermercado de eleição só quando estão com 50% de desconto.

 

Também faço unsubscribe a tudo o que me aparece no e-mail. Não vejo TV. Ouço rádio mas mudo de estação durante a publicidade. Nas redes sociais, à medida que aparece publicidade na feed, vou informando que não me interessa.

Ainda assim, aparece publicidade por todas as formas. Na net, eu entendo porque faz parte do financiamento dos programas que usamos gratuitamente. Tudo o resto sinto que é um desrespeito pela minha liberdade.

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D